domingo, 28 de setembro de 2014

Província da China adota patrulha com gansos em vez de cães


Província da China usa gansos para fazer patrulha pela segnraça
Província da China usa gansos para fazer patrulha pela segurança Foto: Divulgação

Extra
Tamanho do texto A A A
A província de Xinjiang , na China, decidiu inovar na patrulha pela segurança. Forças policiais da região rural têm enviado gansos em patrulhas oficiais desde o início do ano, de acordo com um relatório do jornal Diário do Povo Estatal, citado pelo site inglês The Telegraph.
“Entre todas as aves, os gansos são conhecidos por ser extremamente vigilantes e ter uma audição de largo alcance”, diz Zhang Quansheng, chefe de polícia no condado de Shawan Xinjiang ao jornal.
O jornal chinês alega que os animais dispõem uma ferramenta valiosa e colaboram para a batalha de Xinjiang contra o crime. Além disso, segundo a publicação, as aves tendem a ser usadas para a função em toda a região por serem úteis na “manutenção da estabilidade local”, superiores aos cães.
“Os gansos são muito corajosos. Eles abrem suas asas e podem atacar qualquer estranho que entre em casa”, argumenta Zhang, que acrescenta: “As aves são como ‘um radar que não precisa de energia.’ De certa forma, eles são mais úteis do que os cães. Uma família normalmente mantém um cachorro mas um intruso pode jogar um pão drogado para matar o cão. Gansos são normalmente mantidos em grupos e têm má visão durante a noite, o que torna muito difícil para alguém envenená-los”.
Autoridades do condado de Shawan estão satisfeitos com os resultados alcançados com a nova patrulha e notaram que a medida colaborou para a segurança local. Em junho, um bando de gansos teria conseguido encurralar um homem que havia invadido a sede da polícia local para levar uma moto, o Diário do Povo informou. Após sedar dois cães policiais e pular o muro, o homem estava prestes a fazer a sua fuga quando ficou cara-a-cara com cerca de 20 aves.
“Os gansos espalharam suas asas e começaram a grasnar quando viram o estranho. O oficial de serviço acordou e o ladrão foi apanhado em flagrante”, detalhou o oficial.
Xinjiang é uma das regiões mais vulneráveis da China. Nos últimos anos, a província sofreu constantes surtos de violência étnica entre chineses-han e uigures, um grupo de língua turca de maioria muçulmana, que corresponde a quase metade da população de 22 milhões de pessoas do local. As tensões entre os dois grupos acontece desde 2009, quando cerca de 200 vidas foram perdidas em tragédias na capital de Xinjiang, Urumqi. Na esteira da mais recente onda de violência, as unidades de polícia fortemente armadas teriam lotado algumas partes de Xinjiang com a patrulha de gansos, que não foram incumbidos de confrontar as tensões étnicas.

domingo, 21 de setembro de 2014

Sonho de se transformar em boneca inflável faz mulher gastar R$ 114 mil



Em entrevista à publicação britânica, mulher contou que seu sonho era ser tratada como objeto sexual

A modelo francesa Victoria Wild, de 30 anos, sempre sonhou em ser um objeto sexual. Mais precisamente, uma boneca inflável de sex shop. Para realizar esse sonho, torrou £ 30 mil (cerca de R$ 114 mil) com cirurgias plásticas: operou o nariz, fez implantes labiais, colocou Botox e turbinou os seios em três etapas. “Sou uma bomba agora, e os homens me adoram”, diz a barbie girl. Boa parte dos procedimentos estéticos foi bancada pelo próprio namorado dela, o empresário italiano Simon, e ela garante que ele se enche de orgulho por ver a amada chamar tanta atenção do público – especialmente masculino – nas ruas.
“Quem não gostaria de ser tratada como uma boneca sexual? É um olhar tão sexy”
E as reformas de Victoria não param por aí. Agora, a modelo planeja pôr prótese no bumbum e fazer mais três aumentos de mama.
Victoria passou a infância em uma pequena aldeia na zona rural e diz que sua obsessão em se parecer com uma boneca começou quando ela ainda era uma adolescente, em Lativia.
“Eu era muito magra e loira, e as pessoas me chamavam de Barbie. Mas eu odiava os meus peitos pequenos. Tinha complexo de inferioridade. Nessa época, eu ainda não sabia nada sobre cirurgia plástica, mas já sonhava em ser como uma boneca inflável, com seios enormes e lábios insanamente grandes.”
A modelo passou, então, a economizar seus cachês para realizar o sonho. Aos 25 anos, conheceu seu namorado, Simon, que a incentivou a virar uma boneca sexual. A primeira cirurgia ocorreu em 2011, na Hungria. E ela gostou tanto do resultado que não parou mais. Gastou £ 25 mil (cerca de R$ 95 mil) com “melhorias” nas mamas e, em 2014, desembolsou mais £ 3 mil (R$ 11.400) com uma rinoplastia, para ficar com o nariz tão fino quanto o de uma boneca de plástico, e outras £ 2 mil (R$ 7,6 mil) com implantes labiais e Botox.
“Agora eu me sinto mais feliz e confiante. Sempre quis me tornar famosa por ser uma boneca sexual.”

domingo, 14 de setembro de 2014

Fã de Crepúsculo gasta mais de R$ 7 mil para se casar com Robert Pattinson de papelão




Lauren realizou seu sonho de casar com ‘Edward’ Foto: Acervo Pessoal
Expresso
Tamanho do texto A A A
Apaixonada pela saga Crepúsculo, Lauren Adkins, de 25 anos, resolveu concretizar seu amor se casando com um cartaz de papelão do ator Robert Pattinson, que interpreta o vampiro Edward na história. A cerimônia custou cerca de R$ 7.400, segundo o site Mirror.
— Nos casamos em Las Vegas e tenho certeza de que somos mais felizes do que a maioria que os recém-casados. As pessoas podem pensar que sou louca, mas meu Robert Pattinson de papelão é o mais perto do que eu poderia chegar, e ele é o homem certo para mim — explicou a moça ao site Mirror.
A moça contou que sempre foi “louca por finais felizes românticos de contos de fadas” e se tornou uma grande fã das versões da Disney para Branca de Neve e Cinderela. Quando leu a saga Crepúsculo na adolescência, se apaixonou perdidamente pelo personagem Edward.
— Era diferente de qualquer história de amor que eu havia visto antes, já que o protagonista poderia tanto sugar seu sangue quanto abrir a porta para você — explicou ao Mirror.

Lauren realizou seu sonho em Las Vegas
Lauren realizou seu sonho em Las Vegas Foto: Krystal Ramirez

Lauren disse que, quando assistiu ao filme no cinema, sabia que queria casar-se com o personagem “misterioso e sexy”. Alguns meses depois, ela viu em uma loja de discos o cartaz em papelão de Robert Pattinson e o comprou por cerca de R$ 45. A paixão cresceu tanto que uma amiga sugeriu que ela deveria se casar com ele, e foi o que Lauren fez em Las Vegas, nos Estados Unidos.
— As palavras da minha amiga soaram em meus ouvidos. Ela estava certa. Por que não? — contou a moça.
Numa capela de casamento, ela realizou seu sonho e foi casada por um ministro vestido de Elvis. Depois da cerimônia, ela fez uma recepção para 50 pessoas com direito a bolo de cinco camadas e champanhe.
— Nós tivemos a nossa lua de mel em Los Angeles e eu queria subir até o letreiro de Hollywood. Eu tive que levá-lo, e nós tivemos que fazer isso à noite porque ele não pode ficar no sol. Mas todo mundo faz sacrifícios para o homem que ama, certo? — declarou Lauren.

Lauren fez uma cerimônia para 50 pessoas
Lauren fez uma cerimônia para 50 pessoas Foto: Acervo Pessoal


quarta-feira, 10 de setembro de 2014

Itaú promove campanha para o uso de bicicletas no Waze

Para divulgar seu projeto de sustentabilidade que pretende contribuir para a mobilidade urbana, o Itaú aproveitou várias ferramentas e recursos do Waze

Itaú promove campanha para o uso de bicicletas no Waze
Campanha do Itaú no Waze: pins foram utilizados nos mapas das 5 cidades
Adnews - Com o objetivo de alavancar o uso, o conhecimento, e o download do aplicativo das bicicletas laranjinhas, o Itaú criou uma campanha através do aplicativo Waze nas cinco cidades onde o serviço das bicicletas é oferecido: São Paulo, Rio de Janeiro, Salvador, Pernambuco e Porto Alegre.
Para divulgar seu projeto de sustentabilidade que pretende contribuir para a mobilidade urbana, o Itaú aproveitou várias ferramentas e recursos do Waze.
Pins foram utilizados nos mapas das cinco cidades para marcar a localização de todas as estações laranjinhas, e com apenas um clique conduzir os Wazers até elas.
Mensagens foram inseridas próximas aos Pins, divulgando e incentivando o download do aplicativo das bicicletas, e uma ferramenta de busca também foi disponibilizada para que, ao digitar Bike Itaú, aparecessem as estações laranjinhas mais próximas.
De meados de abril ao final de junho deste ano, houve mais de 25 milhões de impressões, 38 mil cliques, 1,9 mil navegações até as estações laranjinhas e mais de 5 mil downloads do aplicativo.
"Estamos muito felizes com o sucesso da estratégia de mobilidade no Waze. Além da adesão e download do aplicativo das Bikes Itaú, o Waze nos ajuda a entregar um serviço com mais qualidade, especialmente às pessoas que não conhecem a iniciativa a fundo e que são incentivadas pela geolocalização a conhecerem as estações mais próximas de suas rotas cotidianas", diz Thiago César Silva, gerente de mídias digitais e conteúdo de marca Itaú.
Para Ignacio Vidaguren, Partner e Chief Operating Officer da IMS Internet Media Services (IMS), maior hub de meios digitais do Vale do Silício para a América Latina, responsável pela venda dos espaços publicitários do Waze na região, o sucesso da campanha deve-se principalmente à plataforma inovadora oferecida pelo Waze, que permite a utilização de recursos como geolocalização, ferramenta de busca, e mensagens variadas, que permitem uma maior interação entre o usuário e a marca.

domingo, 7 de setembro de 2014

Noivo é preso por assediar garçonete na festa de seu casamento em cruzeiro nos EUA


Noiva acompanha prisão do marido
Noiva acompanha prisão do marido Foto: Reprodução/TV
Expresso
Tamanho do texto A A A
Já viu um noivo que passou sua noite de núpcias atrás das grades? No meio de um cruzeiro marítimo, na Pensilvânia, nos Estados Unidos, um rapaz chamado Mark Williams conseguiu essa proeza por molestar uma garçonete grávida na festa de casamento dele e depois resistir à prisão, ao brigar com o namorado da vítima. As informações são do Huffington Post.
Segundo a garçonete, que prestou depoimento na delegacia, o noivo a tocou em diversos momentos da noite. Ele ainda teria tentado derramar bebida alcoólica em sua boca. A polícia local disse que, depois, ele arrumou confusão com o namorado da moça.
Tanto ele quanto sua noiva não quiseram se pronunciar sobre o caso. Ele vai responder por acusações de motim, assédio e resistência à prisão.