domingo, 27 de outubro de 2013

Mulher desenvolve pênis após uso abusivo de esteróides


Uma mulher britânica, de 28 anos, conhecida como Candice Armstrong, revela que tomou tantos esteroides e anabolizantes que desenvolveu um “pênis” na vagina.
A fisiculturista foi taxativa em suas declarações: “Eu virei um homem”, revela Candice.
Seu desejo pela radical transformação em seu corpo era tão grande que ela não pensou duas vezes antes de abusar de anabolizantes e esteroides. Hoje com o corpo completamente masculinizado a “mulher de pênis” se diz arrependida.
“Em nenhum momento quis me transformar em homem” declara Candice, e complementa dizendo que os efeitos colaterais foram: o desenvolvimento de pelos, o aparecimento de acne, e o surgimento de um “mini pênis” no lugar do clitóris. “Com o passar dos dias os seios também desapareceram”.
Fica o alerta, todo e qualquer suplemento, deve ser ministrado com o acompanhamento de especialistas em nutrição.
Como ganhar dinheiro na Internet

Cachorro gigante é fotografado sentado no metrô de Londres


Dogue Alemão tranquilo sentado no metrô Foto: / Reprodução / Reddit
Expresso
Tamanho do texto A A A
Um flagra no metrô de Londres, na Inglaterra, está fazendo sucesso na internet. Um Dogue Alemão foi fotografado sentado com as duas patas traseira no banco, viajando tranquilo.
O metrô de Londres libera viagem de animais. Alguns usuários do site Reddit, onde a foto foi postada inicialmente, dizem que costumam levar seus cachorrinhos. O problema, dizem os comentários, é o uso da escada rolante, que é proibida para cachorros.
Os usuários do site também chamaram atenção que o cachorro estava encarando o passageiro em sua frente e usando um assento no lugar prioritário. Os internautas reclamaram que ele ocupou um lugar sem pagar, enquanto outras pessoas estavam de pé.


Como ganhar dinheiro na Internet

sábado, 19 de outubro de 2013

Americano decora a casa para o Halloween com falso cadáver e assusta os vizinhos, que chamam a polícia


Kenny, o boneco que foi colocado como se tivesse sido esmagado pelo portão da garagem. Sangue também é falso Foto: Reprodução / Facebook
Expresso
Tamanho do texto A A A
Uma brincadeira de Halloween virou caso de polícia na cidade de Mustang, em Oklahoma, nos Estados Unidos. Como muitos americanos fazem no mês de outubro, Johnnie Mullins decorou seu quintal com túmulos e fantasmas em cima de uma arvóre. O problema foi um corpo morto jorrando sangue na garagem. Era Kenny, nome que Johnnie deu ao boneco que colocou como se estivesse sido esmagado pelo portão. A vizinhança logo pensou que se tratava de um cadáver e chegou a ligar para o 911 (o 190 dos EUA), segundo o site News9.com.
- Meu coração quase saiu do meu peito quando eu vi! - declarou a vizinha Rebecca Fuentes.
Mullins disse à polícia que não estava fora da lei e ainda colocou mais um corpo falso na garagem. Nomeado de Fred, o boneco parece ter sido atropelado por uma caminhonete e também espalha sangue falso. A vizinha, porém, espera que ele acabe logo com o que ela considera brincadeira de mau gosto.
- Se eu acho que é real, basta pensar no que uma criança poderia pensar - disparou Rebecca.
Casado e pai de duas meninas, Johnnie rebate de primeira:
- As crianças que vivem no bairro não surtaram nem nada. Tenho certeza que fariam isso primeiro se tivessem a ideia - afirmou, antes de completar: - Só estou tentando assustar as pessoas, isso é o que eu gosto de fazer. É dia das bruxas!
Kenny e Fred, os dois homens
Kenny e Fred, os dois homens "assassinados" na garagem Foto: Reprodução / Facebook



Como ganhar dinheiro na Internet

Carro estacionado some engolido por vegetação, na China


Polícia e curiosos olham o carro engolido pela vegetação
Polícia e curiosos olham o carro engolido pela vegetação Foto: Stringer / Reuters
Expresso
Tamanho do texto A A A
Um carro estacionado por um ano no mesmo lugar acabou sendo engolido pela vegetação. A suspeita é a de que o proprietário, chamado Wang Ping, tenha feito isso para esconder o veículo e não pagar o estacionamento.
O carro foi encontrado na cidade de Chengu, no sudoeste da China, após ter sido rastreado pela polícia. O proprietário negou a acusação e afirmou que já vendeu o veículo há três anos. Segundo a rede NBC, Wang Ping afirmou que não tinha informações do novo dono.
O veículo foi retirado do local com um guincho. A polícia não foi capaz de remover as grossas raízes que estavam entralaçadas no carro.


domingo, 13 de outubro de 2013

Namorada é obrigada a usar ‘cadeado de castidade’ durante 12 anos


Após passar horas com vontade de ir ao banheiro, a vítima precisou chamar a polícia, porém ela decidiu não prestar queixa contra o namorado, com quem vive há 12 anos.

Uma mexicana foi obrigada pelo namorado a usar um cadeado nas calças durante 12 anos como forma de cinto de castidade, para evitar que ela o traísse.
A mulher de 25 anos chamou a polícia na última terça-feira (8) porque não conseguia abrir o cadeado e estava havia horas com vontade de ir ao banheiro.
cadeado castidade
Ela contou à polícia que tinha medo da reação que seu namorado, um homem de 40 anos, poderia ter, caso ela cortasse as calças ou o cinto que prendia o cadeado.
O homem foi detido, confessou ter prendido as calças da mexicana e entregou a chave aos policiais. Ele vivia com a jovem desde que ela tinha 13 anos e, durante todo esse tempo, a obrigou a usar o cadeado.
Mas “para a surpresa das autoridades, a mulher se recusou a prestar queixas após o homem ser detido”, disse Araceli Gonzalez, diretora da Equifonia, um grupo de defesa dos direitos das mulheres.
— O suspeito foi detido e liberado poucas horas depois. No dia seguinte, ele assinou um documento se comprometendo a nunca mais forçar a namorada a usar o cadeado ou cometer outro tipo de abuso contra ela.
namorado ciumento preso
Segundo as autoridades, não havia mais nada a ser feito, já que a mulher se recusou a prestar queixa.
Como ganhar dinheiro na Internet

Dilma sanciona MP que garante herança de licenças de táxi



Presidente Dilma Rousseff durante cerimônia de sanção da MP 615, no núcleo de apoio aos taxistas, em Brasília
A hereditariedade da licença para taxistas havia sido vetada em duas ocasiões pela presidente Dilma, por entender que a matéria era de competência dos municípios. A matéria foi novamente incluída em uma medida provisória originalmente criada para pagamento de subvenção a produtores de cana-de-açúcar. O texto foi readaptado para não interferir em legislações municipais e foi incluído o critério de sucessão, e não de transferência de opermissões.presidente Dilma Rousseff sancionou nesta quarta-feira a Medida Provisória (MP) que garante a transmissão hereditária de licenças de taxistas para cônjuges e filhos. Em evento no Núcleo de Apoio ao Taxista de Brasília, Dilma garantiu a pais e filhos de motoristas de táxi a possibilidade de suceder o permissionário em caso de morte, durante o tempo que durar a validade da licença.











Presidente Dilma Rousseff durante cerimônia de sanção da MP 615, no núcleo de apoio aos taxistas, em Brasília Foto: Roberto Stuckert Filho/PR / Divulgação













“Não é uma transferência de permissão, é um 
direito de sucessão. (...) Significa que quando o taxista falecer, e isso ocorre tanto por razões naturais como pelo risco da profissão, a mulher e os filhos, ou o marido e os filhos, podem o suceder na função do taxi, garantindo sustento para a família”, afirmou Dilma, aplaudida pelos taxistas.
A presidente do Sindicato dos Permissionários de Táxi e Motoristas Auxiliares do Distrito Federal (Sinpetáxi) lembrou que muitos taxistas eram assassinados durante o serviço e que suas famílias ficavam sem sustento. “Muitos pais de família perderam a vida assassinados covardemente na profissão, e a autorização era passada para o Estado. Hoje temos certeza que o pai de família que perder a sua vida vai ter o seu direito garantido”, disse.
No discurso, Dilma lembrou a confiança que os brasileiros têm nos taxistas - são cerca de 600 mil em território nacional - e falou da importância dos motoristas nos eventos internacionais que virão ao País, por ser um “cartão de visitas” aos turistas.
“Foi falado aqui que o táxi é um cartão de visita quando alguém chega em outra cidade. O taxi é algo que está presente numa cidade não só quando a gente chega, mas quando a gente vive nela. Quantas crianças não nasceram num taxi nesse País afora? Quantas pessoas não foram socorridas por um de vocês? Quantas mães não dependem de um taxista? (...) Quantas pessoas não tomaram sua cervejinha para poder tomar um táxi sem o risco de passar pelo bafômetro?”, discursou, em um tom bem humorado. 
Como ganhar dinheiro na Internet

domingo, 6 de outubro de 2013

Mulher tem 500 orgasmos por dia com vibração de celular, catracas, carrinhos de compras e até entrevistas de emprego


Zara usa sacos de vegetais congelados para inibir a excitação
Zara usa sacos de vegetais congelados para inibir a excitação Foto: The Sun / Reprodução

Extra Online
Tamanho do texto A A A
Enquanto para algumas ter orgasmo é algo de alto nível de dificuldade, para a inglesa Zara Richardson isso é tão fácil que virou um problema. Ela sofre de Síndrome de Excitação Sexual Persistente (PSAS), o que torna tarefas rotineiras, como fazer compras e aspirar a casa, atividades altamente excitantes, o que significa que ela pode ter até 500 orgasmos por dia.
Zara Richardson, de 30 anos, afirma que ter diversos orgasmos todos os dias não é o paraíso:
— As pessoas acham que eu devo estar em êxtase a cada dia, mas ter orgasmos constantemente está arruinando a minha vida — disse a inglesa ao jornal The Sun.

Zara pode ter até 500 orgasmos por dia
Zara pode ter até 500 orgasmos por dia Foto: Reprodução / The Sun

Ela não tem controle sobre o modo como o seu corpo se sente, o que afeta todos os aspectos da vida:
— Uma simples ação pode me induzir a ter um episódio (orgasmo); é um modo exaustivo para viver. Muitas vezes acontece quando eu subo as escadas, passo por redutores de velocidade e sempre quando meu telefone vibra no meu bolso.
Zara fica muito excitada no supermercado:
— Eu também tenho orgasmo pegando um alimento no supermercado, passando por portas giratórias e empurrando um carrinho de compras. Acontece até mesmo quando alguém se senta ao meu lado no sofá.
E assim é o dia inteiro para a inglesa:
— Eu acordo me sentindo excitada e volto para a cama me sentindo da mesma forma.

Zara pode ter uma orgasmo ao pegar um alimento no supermercado
Zara pode ter uma orgasmo ao pegar um alimento no supermercado Foto: Reprodução / The Sun

Ações comuns podem se tornar um pesadelo para Zara:
— Eu posso estar de pé numa fila do supermercado e sentir a PSAS começar. E não há nada que eu possa fazer para impedi-lo —contou a britânica.
Viajar é outra situação que pode acabar desconfortável para Zara:
—Viagens de trem são um pesadelo, pois o movimento pode desencadear um ataque.
Ela concluiu que a síndrome lhe trouxe tristeza:
— A PSAS me afastou do sexo e me trouxe depressão — disse Zara.
A doença também atrapalhou seu lado profissional:
— Restaurantes são um pesadelo quando fico um longo período sentada e as "dores" do orgasmo se acumulam. Eu estava numa entrevista de emprego e a sindrome veio.
A Síndrome de Excitação Sexual Persistente (PSAS) foi documentada pela primeira vez como um transtorno médico em 2001. Zara foi diagnosticada em 2010, depois de sentir-se constantemente excitada.

Situações rotineiras podem ser altamente excitantes para a inglesa
Situações rotineiras podem ser altamente excitantes para a inglesa Foto: Reprodução / The Sun

Ela conta que começou a se sentir excitada o tempo todo por conta da mudança de hormônios e mesmo depois de ter tido relações sexuais com o seu namorado na época, Rob, ela nunca se sentia satisfeita.
— O sentimento nunca vai embora. Tentei me distrair fazendo exercício, tomando banhos quentes ou assistindo a um filme deprimente, mas a sensação continuou. Depois de dois meses de sofrimento em silêncio, eu sabia que o que estava sentindo não era normal.

A vibração do celular também pode causar orgasmo em Zara
A vibração do celular também pode causar orgasmo em Zara Foto: Reprodução / The Sun

Foi então que ela procurou um médico
— Estava tendo até 500 orgasmos por dia. Isto estava arruinando a minha vida.
O médico receitou leves antidepressivos, analgésicos e anti-inflamatórios para os dias de crise de Zara. Ela também utiliza compressas quentes e frias para parar os orgasmos.
— Eu, às vezes, coloco um pacote de cenouras ou ervilhas congeladas envolto numa toalha sobre minhas partes, porque a frio me faz parar de querer orgasmos.



Prefeitura de São Paulo vai banir os táxis das faixas exclusivas de ônibus

Minha opinião sobre este assunto de proibir circulação de táxis nos corredores de ônibus é a seguinte :
Circulo muito nos corredores Consolação/Rebouças e 9 de julho e acho que não atrapalha tanto assim, isto é na minha opinião ,mais uma medida política para tapar o sol com a peneira de nossos governantes, pois a frota de táxis não chega a ser nem 1% da quantidade de veículos em circulação na cidade.
Como sempre digo a corda sempre arrebenta do lado mais fraco....Pobre neste País vive de teimoso que é....Nós somos tratados que nem cachimbo, só levando fumo.
Vou dar uma dica para estas pessoas que acham que sabem de tudo, peguem um táxi para dirigir durante uma semana por 12 horas diárias assim vão ver como  funciona na realidade, e  não na teoria, digo com propriedade pois estou neste serviço já a 18 anos.

Uma polêmica no trânsito da maior cidade do país: a Prefeitura de São Paulo decidiu que vai proibir a circulação de táxis nos corredores de ônibus. A Secretaria de Transportes só espera o resultado de um estudo para anunciar a medida.
Essa decisão de banir os taxis das faixas de ônibus é porque, para a  prefeitura, os táxis atrapalham a circulação dos ônibus. É a mesma opinião do Ministério Público, que solicitou informações para a Secretaria de Transportes. Já os taxistas defendem o contrário: querem continuar a circular nos corredores e ainda ter o direito de usar também as faixas exclusivas.
Em uma capital que chega a ter 300 quilômetros de congestionamento em um só dia, andar de táxi costuma ser uma vantagem. Isso porque os taxistas podem usar os corredores criados para os ônibus, mas desde que levem passageiros no carro. Só que às vezes há fila de táxis.
“Quando são muitos, sim. Quando eles ficam muitos, muita fileira, cinco seis atrapalha muito sim”, responde um motorista de ônibus.
Os principais corredores de ônibus da cidade, aqueles que funcionam na faixa da esquerda, foram modernizados há 13 anos. Segundo o secretário municipal de Transportes, naquela época a velocidade média era de 22 quilômetros por hora. Hoje, caiu para 14.
A prefeitura estuda proibir a circulação de táxis nos corredores de ônibus. Alega que assim o caminho ficaria livre para os ônibus que poderiam rodar com mais rapidez. A proposta desagradou os taxistas.
“Vai diminuir a clientela e todo mundo tem que reclamar porque quem usa o táxi precisa de rapidez e aqui não dá”, declara Paulo César Monteiro, taxista.
Nas faixas exclusivas, criadas onde só circulam ônibus, um levantamento apontou crescimento de 45% na velocidade média dos ônibus. A velocidade média passou de 14 para 20 quilômetros por hora.
Agora, o Ministério Público pediu e a prefeitura formou uma comissão para avaliar o impacto que os táxis provocam nos corredores de ônibus.
“Se o estudo apontar para onde o Ministério Público enxerga que essa concorrência é danosa para a velocidade dos ônibus, expedição de uma recomendação à prefeitura para que proíba imediatamente ou em curto prazo a circulação de táxis mesmo com esses passageiros nos corredores”, afirma Maurício Antônio Ribeiro Lopes, promotor de Justiça de Habitação e Urbanismo de SP.
O secretario municipal de Transportes, Jilmar Tatto, lembrou que outro estudo, feito em 2011, já mostrou que os táxis reduzem a velocidade dos ônibus. Hoje, Jilmar Tatto tem certeza que a situação continua a mesma, se é que não piorou.
O Bom Dia Brasil já adianta que a decisão está tomada. Em mais alguns dias ela será anunciada. É só o tempo de a prefeitura concluir um novo estudo, atendendo ao pedido do Ministério Público.

REINTERANDO:

Minha opinião sobre este assunto de proibir circulação de táxis nos corredores de ônibus é a seguinte :
Circulo muito nos corredores Consolação/Rebouças e 9 de julho e acho que não atrapalha tanto assim, isto é na minha opinião ,mais uma medida política para tapar o sol com a peneira de nossos governantes, pois a frota de táxis não chega a ser nem 1% da quantidade de veículos em circulação na cidade.
Como sempre digo a corda sempre arrebenta do lado mais fraco....Pobre neste País vive de teimoso que é....Nós somos tratados que nem cachimbo, só levando fumo.
Vou dar uma dica para estas pessoas que acham que sabem de tudo, peguem por uma semana seguida um táxi para dirigir por 12 horas diárias assim vão sentir como que funciona na realidade, e  não na teoria, digo com propriedade pois estou neste serviço já a 18 anos.
No Rio de Janeiro, importantes vias, principalmente do Centro da cidade, também têm corredores expressos para ônibus. Mas os táxis são permitidos, apenas se estiverem com passageiros.
Eles não podem embarcar nem desembarcar ninguém nessas faixas que são pintadas de azul. Se houver duas faixas exclusivas na via, o táxi pode usar a da esquerda, nunca a preferencial, da direita. Veículos considerados essenciais, como ambulâncias, carros de polícia e bombeiro também podem trafegar.
A prefeitura do Rio inaugurou o primeiro corredor exclusivo em 2011 com o objetivo de reduzir em até 20% o tempo das viagens. Hoje são sete corredores na cidade somando quase 30 quilômetros.
Em Itapetininga, no interior de São Paulo, os motoristas encontraram uma alternativa de transporte mais rápida e confortável.
O táxi rotativo surgiu em Itapetininga há 13 anos para competir com o mototáxi. Funciona assim: leva quatro passageiros sempre no sentido bairro-centro e o inverso, e sempre para nos pontos já estabelecidos.
O táxi é regulamentado pela prefeitura, é na cor prata, tem faixas quadriculadas nas laterais e o número do alvará em local legível. Ele custa apenas R$ 0,5 a mais que o transporte público.
Na cidade, os motoristas passam por uma capacitação. São 254 motoristas cadastrados na prefeitura. Dez mil pessoas usam esses táxis na cidade por dia.
Como criar sites facilmente